Operário de fábrica morre após ter mangueira de compressor de ar colocado no seu reto por colega no local de trabalho

244

Um indiano de 40 anos, identificado apenas como Ravinder, foi alvo de uma “pegadinha maldosa” de um colega de trabalho, Anjan Misra, que acabou preso um dia após a morte de Ravinder. Anjan foi detido na última sexta-feira (16). Os dois trabalhavam em uma fábrica em Nova Déli.

De acordo com o The Times of India, uma denúncia de morte por negligência levou Anjan para a cadeia. Aos policiais, testemunhas contaram que a vítima, Ravinder, se tornou alvo de comentários maldosos por ter ido trabalhar com a calça rasgada por vários dias seguidos.

Ravinder virou alvo de comentários maldosos por usar uma calça rasgada / Foto : australscope
Ravinder virou alvo de comentários maldosos por usar uma calça rasgada / Foto : australscope

Nos depoimentos, operários afirmaram que tudo aconteceu muito rápido.

Por volta das 16h, Misra aproveitou um momento de distração de Ravinder – que estava abaixado -, e apontou um compressor de ar usado para cortar tábuas de madeira para as nádegas do colega. Inicialmente, os trabalhadores deram risada da situação. No entanto, assustaram-se no momento em que a vítima caiu no chão.

A vítima de 40 anos sofreu ferimentos horríveis depois que a mangueira foi ligada com o poderoso compressor de ar danificando seus órgãos internos, fazendo com que o homem sofresse hemorragia.

Ele desmaiou na fábrica e foi levado ao hospital, mas morreu mais tarde naquele dia.

“Após o ocorrido, nós avisamos o gerente e o levamos para a enfermaria da fábrica, e depois ao hospital. Infelizmente, Ravinder faleceu durante um procedimento cirúrgico no final do dia”, lembra o colega de trabalho, Ram Kishan.

Operários e amigos de Ravinder denunciaram Anjan Misra e o entregaram à polícia depois de conversar com supervisores da empresa. As investigações do caso estão em aberto. Imagens de câmeras de segurança da fábrica vão ajudar as autoridades a coletar informações sobre a morte.

Segundo o The Mirror, o subcomissário da polícia de Delhi, Mahendra Nath Tiwari, confirmou que duas pessoas foram presas em relação ao incidente.

Acredita-se que Ravinder e Misra eram ambos da vila de Arrah, no estado indiano de Bihar, no nordeste, e tem sido relatado que Ravinder ajudou seu agressor a conseguir um emprego na fábrica anos atrás.

Ravinder morreu depois que um colega supostamente inseriu um tubo de um compressor de ar em seu ânus. / Foto : australscope
Ravinder morreu depois que um colega supostamente inseriu um tubo de um compressor de ar em seu ânus. / Foto : australscope

Comentários