Pai estressado espanca, parte as costelas e mata bebê com ajuda da mãe

5928

Um beb√™ de 3 meses foi morto pelo pr√≥prio pai em Andradas (MG). Segundo informa√ß√Ķes da pol√≠cia, Alexandre Montanholi, 23 anos, disse que estava ‚Äúestressado porque n√£o aguentava mais o choro do filho‚ÄĚ e espancou Yago Louren√ßo. A m√£e, Ana Carolina Louren√ßo C√Ęndido, 19 anos, tamb√©m foi presa por tentar encobrir o crime.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Logo depois de mat√°-lo, os pais levaram o beb√™ para o hospital. Foi no local que os m√©dicos perceberam que Yago n√£o teve uma morte natural. Enquanto esperavam para saber se o filho estava bem, o casal postou mensagens de luto nas redes sociais. ‚ÄúHoje o dia amanheceu muito triste. Acabei de perder meu filho‚ÄĚ, escreveu a m√£e.

‚ÄúGente, estou aqui para anunciar uma perda inestim√°vel. Eu minha esposa estamos muito tristes hoje (quarta-feira). Com apenas 3 meses de vida perdi meu filho que faleceu esta manh√£ em Andradas com uma parada card√≠aca‚ÄĚ, escreveu Alexandre.

O hospital chamou a pol√≠cia que os encaminhou para prestar esclarecimentos. No local, os dois confessaram o que ocorreu. ‚ÄúO beb√™ bateu a cabe√ßa no bra√ßo do sof√° depois que o pai o arremessou e assim ficou com traumatismo craniano. Ele tamb√©m sofreu v√°rias joelhadas e ficou com v√°rios hematomas pelo corpo, al√©m de quatro costelas quebradas, conforme diz o exame de necropsia‚ÄĚ, contou o delegado Fabiano Roberto Mazzarotto Gon√ßalves ao jornal Extra.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Yago era o primeiro filho do casal. Alexandre e Ana Carolina foram levados para um presídio em Andradas. Vizinhos também serão ouvidos pela polícia. O inquérito deve estar concluído em 10 dias e o casal será indiciado.

Coment√°rios