Papa Francisco chega a Portugal para centenário das aparições da Virgem de Fátima

20

Nesta sexta-feira (12/5) o papa Francisco chegou à base aérea militar de Monte Real, em Portugal, de onde partirá para o Santuário de Fátima para comemorar o centenário das aparições da Virgem Maria a três pequenos pastores.

O avião foi escoltado por dois caças F-16 ao entrar em espaço aéreo português. O pontífice argentino foi recebido pelo presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, com quem manteve uma reunião em privado.

Papa Francisco chega a Portugal para centenário das aparições da Virgem de Fátima - Imagem de divulgação
Papa Francisco chega a Portugal para centenário das aparições da Virgem de Fátima – Imagem de divulgação
Loading...

Em seguida, Francisco partirá de helicóptero para Fátima, 40 km ao nordeste.
Com orações, cantos religiosos e muita expectativa, uma maré de fervorosos peregrinos esperava a chegada do papa Francisco ao Santuário de Fátima para celebrar, sob forte medidas de segurança, o centenário das aparições.

Desafiando a chuva, milhares de católicos procedentes do mundo inteiro se concentram na esplanda diante da Basílica de Nossa Senhora de Fátima, centro do país.

Muitos peregrinos irão de outros continentes, especialmente da América Latina, mas também da Ásia. A população portuguesa (10,3 milhões de pessoas, 89% delas católicas) terá grande representação e, por este motivo, o papa vai falar em português.

Após sua chegada, Francisco seguirá para a “Capelinha das Aparições”, construída no local onde, segundo a crença popular, a Virgem apareceu pela primeira vez, em 13 de maio de 1917, aos três pastorzinhos.

A mãe de Jesus teria aparecido em seis ocasiões, entre maio e outubro de 1917, aos irmãos Jacinta (7 anos) e Francisco (9) Marto e a sua prima Lucia dos Santos (10), a quem revelou três “segredos”, que a Igreja Católica considerou como proféticos da história do século 20.
Jacinta e Francisco foram beatificados por João Paulo II em Fátima em 13 de maio de 2000.
Desde 2008, o Vaticano pretende beatificar Lucia dos Santos, que se tornou freira e faleceu em 2005.

As revelações reportadas pelas três crianças, assim como os milagres que permitirão ao papa canonizar no sábado os irmãos Francisco e Jacinta, não constituem dogma, ou seja, não existe a obrigatoriedade de que todos os católicos acreditem.

Um dos milagres alegados para a canonização dos dois pastores aconteceu com um menino brasileiro. Seus pais narraram na quinta-feira em Fátima a história de sua rápida cura após uma grave queda. João Batista e sua esposa, Lucila Yurie, se apresentaram para a imprensa, sem seu filho Lucas, no santuário católico de Fátima.

Em março de 2013, o menino, então com cinco anos, caiu da janela de uma altura de mais de seis metros e sofreu um grave traumatismo craniano, relembrou Batista.

O menino deixou o hospital 12 dias depois do acidente. “Se recuperou totalmente, sem sequelas”, assegurou seu pai, acrescentando que “os médicos, incluindo os que não creem, não puderam explicar essa recuperação”.

Comentários

comentários