Pescador morre após ataque de jacaré em Manacapuru

6

Morreu na segunda-feira (4/01), o pescador que foi atacado por um jacaré num lago da Comunidade Marreção, na Zona Rural do município de Manacapuru, distante 27 km de Manaus.

Imagem de arquivo pessoal
Imagem de arquivo pessoal

Almir da Silva Gonçalves, 58 anos, estava pescando quando teve a canoa atacada pelo animal. Familiares e amigos perceberam que o pescador estava demorando para retornar, então iniciaram as buscas ao pescador. Logo depois o encontraram ferido nas margens do lago.

O pescador havia saído para pescar no dia 30 de dezembro e foi localizado mais de 10 horas depois nas margens do lago, com ferimentos em uma das coxas e os dedos de umas das mãos decepados pelo ataque.

Almir foi resgatado ainda com vida, na noite de quinta (31/12), e foi levado a uma unidade de saúde do município e depois transferido para Manaus, onde foi submetido a cirurgias no dia 31, logo depois chegou a ser transferido para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) após sofrer paradas cardíacas. Ele chegou a ficar internado por 5 dias mas resistiu aos ferimentos e morreu no fim da noite de segunda-feira (4/01).

O pescador ainda disse a família que o jacaré tinha cerca de 4 metros e que teve a canoa virada pelo bicho. O homem disse ainda que chegou a lutar com o animal na tentativa de se salvar, mas teve os dedos das mãos arrancados. Ele conseguiu de desvencilhar e nadar por cerca de 200 metros até a margem no rio.

Na manhã desta terça-feira (5/01), familiares aguardavam a liberação do corpo em Manaus.

Curte nosso conteúdo?!

Receba as notícias diretamente no seu e-mail:

Comentários