Poker : Conheça amazonenses que fazem história no jogo de cartas mais popular do mundo

74

Considerado o jogo de cartas mais popular do mundo, a prática do poker vem ganhando cada vez mais adeptos no Amazonas. Em Manaus, os fãs das cartas já receberam até recentemente o Torneio Internacional de Poker Texas Hold’em LPC 888.

Se engana quem pensa que no Amazonas o valor ganho pelos campeões é baixo. A Uni Publicidade e Eventos, empresa que representa a Liga de Poker Caribenha – LPC, em conjunto com a 888 Poker – responsáveis pela organização do evento – realizou a competição em grande estilo e contou com a premiação de R$ 100.000,00 (100k). Já o “buy in”, ou preço de entrada, estava disponível no valor de R$ 500,00 por jogador.

Entre os amazonenses que têm se destacado no esporte, separamos dois campeões recentes e o melhor colocado do maior torneio de poker do mundo no para que você conheça um pouco sobre cada um.

Angelo Soares Neto

Em 2017, O amazonense Angelo Soares Neto fez história no poker brasileiro. Ele conquistou em São Paulo, a 99ª etapa do Brazilian Series of Poker (BSOP). O torneio é válido como o Campeonato Brasileiro da modalidade e é a maior série de competições do esporte da mente da América Latina.

A vitória de Ângelo foi a primeira de um amazonense em um evento principal do BSOP. Com a conquista, ele garantiu, além de uma robusta premiação em dinheiro, uma vaga no Torneio dos Campeões, que vai reunir os 99 vencedores dos principais eventos de todas as edições do BSOP – iniciado em 2006.

Amazonense Angelo Soares Neto conquistou título inédito para o Amazonas (Foto: Luis Bertazini/BSOP/Divulgação)
Amazonense Angelo Soares Neto conquistou título inédito para o Amazonas (Foto: Luis Bertazini/BSOP/Divulgação)

Anderson Souza

Em 2015, O amazonense Anderson Souza, conhecido pelo apelido de ‘02’, conquistou o título do North Poker Tour, maior evento de poker já realizado no Norte do País, cuja final foi realizada no Vegas Poker Clube, em Belém-PA.

Para garantir o troféu, o amazonense teve que disputar durante três dias e precisou superar 468 adversários. Na mesa final do evento, com nove jogadores, o Amazonas ainda foi representado por Samara Brito, que é paraibana, mas mora em Manaus. Ela foi a melhor mulher classificada no evento.

Amazonense é campeão de Poker no Pará (Foto: Divulgação)
Amazonense é campeão de Poker no Pará (Foto: Divulgação)

Hilton Laborda

Em 2011, O amazonense Hilton Laborda estava entre líderes do maior torneio de poker do mundo, o Evento Principal da World Series of Poker. O torneio, que teve um total de 6.865 jogadores inscritos, com mais de 4 mil competidores lutando pelo prêmio principal de incríveis US$ 8,7 milhões para o vencedor.

Hilton, conhecido no meio do poker amazonense como ‘Boca Negra’, disputou o último dos quatro dias classificatórios do torneio, disputado no Rio Hotel & Casino, em Las Vegas, e passou com 102 mil fichas, sendo o 77º colocado entre os jogadores restantes.

Ele terminou o torneio na 36ª posição para um prêmio de US$ 242.636, sendo o brasileiro melhor colocado no Main Event daquele ano.

Hilton Laborda (foto: divulgação WSOP)

Existem muitos outros excelentes jogadores amazonenses. Porém, os homens acima dedicaram suas vidas a estudar e jogar poker, e é por isso que eles são os melhores que existem. Estes são os caras que parecem ter uma calculadora de probabilidades de poker em suas cabeças, então, se você quiser vencê-los, você terá que estudar.

Comentários