Polícia Civil prende cinco homens durante Operação Araceli para combater o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes

386

Com o objetivo de prender envolvidos em crimes de abuso e explora√ß√£o sexual infanto-juvenil na capital amazonense, a Pol√≠cia Civil do Amazonas, por meio da Delegacia Especializada em Prote√ß√£o √† Crian√ßa e ao Adolescente (DEPCA), deflagrou a Opera√ß√£o Araceli na manh√£ deste s√°bado (18/05). Cinco pessoas foram presas em cumprimento a mandados de pris√Ķes. As investiga√ß√Ķes iniciaram h√° dois meses.

Foram presos Adson Leandro Ximenes da Silva, 39, Francisco Justino da Silva, 63, Jehiel Erikson Alencar França, 36, Carmelino Vicente Gomes Freire e Cristovão Freitas de Sousa, 44. Com os suspeitos foram apreendidos cinco notebooks, sete celulares e três HDs. O material será submetido a perícia, e a expectativa da Polícia é que ele revele novos envolvidos nos crimes.

Operação Araceli / Foto : Alailson Santos / PC-AM
Presos na Operação Araceli / Foto : Alailson Santos / PC-AM

Com apoio da Secretaria de Seguran√ßa P√ļblica (SSP-AM), 23 mandados de busca e apreens√£o foram cumpridos em bairros das zonas centro-sul, centro-oeste, norte e leste. Mais de 80 policiais civis participam da opera√ß√£o.

O titular da SSP-AM, coronel Louismar Bonates, acompanhou os cumprimentos de mandado ao lado do delegado-geral adjunto, Orlando Amaral. ‚ÄúEssa opera√ß√£o foi feita, especialmente no dia de hoje, por ser o Dia Nacional de Combate ao Abuso e √† Explora√ß√£o de Crian√ßas e Adolescentes. Esse ano j√° foram presas 40 pessoas. Hoje prendemos mais cinco envolvidos nesse crime, que precisa ser combatido com dedica√ß√£o, e √© isso que estamos fazendo. Parabenizo todos os policiais envolvidos nessa a√ß√£o t√£o importante‚ÄĚ, disse.

Operação Araceli / Foto : Alailson Santos / PC-AM
coronel Louismar Bonates, na Operação Araceli / Foto : Alailson Santos / PC-AM

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da DEPCA, que coordenou a opera√ß√£o, as investiga√ß√Ķes levaram √† pris√£o autores do crime de estupro de vulner√°vel, al√©m de envolvidos em compartilhamento e armazenagem de conte√ļdo pornogr√°fico infantil.

‚ÄúCumprimos mandados de busca para que a gente possa subsidiar as investiga√ß√Ķes e, com isso, identificar mais v√≠timas, mais autores, e assim combater o abuso e a explora√ß√£o sexual de crian√ßa e adolescente. Principalmente no dia de hoje, que √© um dia simb√≥lico de luta. Queremos mostrar para a sociedade, chamar para essa luta, para esse combate, que √© muito importante do ponto de vista da den√ļncia. N√£o podemos fechar os olhos para esse crime‚ÄĚ, explicou.

A delegada disse, ainda, que os indivíduos que estão com mandados de prisão e não foram localizados, agora, são considerados foragidos. Os celulares e computadores encontrados com os cinco homens vão passar por perícia para encontrar os materiais de mídia de transmissão de dados de cunho sexual envolvendo crianças e adolescentes.

‚Äú√Č preciso combater isso de frente. As pessoas precisam saber que isso √© crime e que elas ser√£o punidas, para que a gente n√£o feche os olhos para esse tipo de crime, que pode ser capitulado no c√≥digo penal e tamb√©m identificar v√≠timas, muitas vezes, crian√ßas muito pequenas que n√£o t√™m como denunciar ou se defender‚ÄĚ, afirmou Joyce Coelho.

Operação Araceli / Foto : Alailson Santos / PC-AM
a delegada Joyce Coelho, na Operação Araceli / Foto : Alailson Santos / PC-AM

Os cinco homens foram indiciados por estupro de vulnerável. Após os procedimentos cabíveis no prédio da DEPCA, os infratores serão encaminhados ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde ficarão à disposição da Justiça.

Operação Araceli РA operação foi batizada com o nome da menina Araceli Cabrera Sánchez, assassinada em 1973 no Espírito Santo, vítima de violência sexual. Ela foi abusada antes de ser morta, e o corpo só foi encontrado seis dias após o crime.

‚ÄúOs seus abusadores nunca foram punidos e, em decorr√™ncia desse fato triste, foi institu√≠do o Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Explora√ß√£o Sexual, que √© justamente hoje, dia 18 de maio. Al√©m da import√Ęncia da repress√£o, precisamos ressaltar a conscientiza√ß√£o da sociedade, pois todos somos respons√°veis por essas crian√ßas e adolescentes‚ÄĚ, salientou a delegada.

Indicadores ‚Äď Com o aumento das den√ļncias de abuso sexual contra crian√ßas e adolescentes, o n√ļmero de casos investigados pela Pol√≠cia Civil cresceu 28% no primeiro trimestre. Conforme indicadores da SSP-AM, entre janeiro e mar√ßo de 2019, foram registrados 450 casos de abuso e/ou viol√™ncia f√≠sica, psicol√≥gica ou sexual contra crian√ßas e adolescentes na capital amazonense.

De abril de 2018 a mar√ßo deste ano, a DEPCA prendeu, em flagrante, 107 pessoas acusadas de cometer crimes contra crian√ßas e adolescentes. Entre os principais est√£o os crimes de viol√™ncia f√≠sica e abuso sexual. No mesmo per√≠odo, foram cumpridos 38 mandados de pris√£o e/ou busca e apreens√£o, al√©m da conclus√£o de 487 inqu√©ritos encaminhados √† Justi√ßa e 250 Termos Circunstanciados de Ocorr√™ncia (TCOs). At√© mar√ßo deste ano, a Delegacia efetuou 40 pris√Ķes, segundo dados preliminares da SSP-AM.

Operação Araceli / Foto : Alailson Santos / PC-AM
Apreendido na Operação Araceli / Foto : Alailson Santos / PC-AM

Coment√°rios