Polícia prende taxista suspeito de sequestrar e torturar passageiro que não pagou corrida

54

Na terça-feira de carnaval (13/2) a polícia prendeu o taxista, Antônio Nunes Ferreira, de 48 anos, suspeito de sequestrar e torturar um adolescente de 15 anos que teria fugido na hora de pagar a corrida.

O taxista foi preso há 2 anos por praticar assaltos com o táxi - Imagem: Divulgação
O taxista foi preso há 2 anos por praticar assaltos com o táxi – Imagem: Divulgação

Dois adolescentes pegaram uma corrida com o taxista na madrugada da ultima terça (13/2) com destino ao bairro Cidade de Deus, na Zona Norte de Manaus. Porém, quando chegaram ao destino os passageiros fugiram e não pagaram a viagem, segundo informações da polícia. O taxista então alcançou um deles e teria colocado-o no porta-malas do veículo, modelo Siena, e levado para a mata onde o mesmo foi torturado por outros dois indivíduos.

Após denúncia a polícia realizou buscas pelo veículo e chegou até o taxista que confessou o crime e informou o lugar onde estava o adolescente. Os dois homens contratados para torturar o adolescente fugiram do local.

O jovem, mesmo com hematomas, foi levado para o 15º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para prestar depoimento. O taxista já havia sido preso há 2 anos por praticar assaltos com o táxi, em Manaus, agora o mesmo deve seguir para Audiência de Custódia.

Comentários