Home Notícias Polícia Polícia procura por Michel Sabóia de Souza suspeito de assassinar a menor desaparecida

Polícia procura por Michel Sabóia de Souza suspeito de assassinar a menor desaparecida

3 min - tempo de leitura
251

Desde a última quinta-feira (12), a menor Heloísa Medeiros da Silva (17) estava desaparecida após ter saído de casa para comemorar o aniversário de um amigo em uma choperia da cidade.

Na última madrugada (15), o corpo da estudante de enfermagem foi encontrado seminu, com sinais de estrangulamento, na Rua Miranda Leão, Centro de Manaus. De acordo com a Polícia, há sinais de que a vítima tenha sido estuprada. Pelo estado de decomposição, a perícia do Instituto Médico Legal (IML) atestou que Heloísa possa estar morta há dois dias.

O corpo da adolescente foi encontrado após policiais da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) serem chamados para atender a ocorrência. A polícia investiga o envolvimento de um suspeito na morte de Heloísa. O homem teria sido visto com a vítima na noite do crime.

O corpo da adolescente foi encontrado após policiais da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), serem chamados para atender a ocorrência | Foto: Reprodução

Populares disseram que um dos moradores da casa pode estar envolvido, pois ele chegou à residência acompanhado da vítima e depois disse a um tio, que “teria feito besteira”.

Por isso mesmo a polícia está procurando por Michel Sabóia de Souza, 19, depois de ter sido acusado por um tio de ser o assassino de Heloísa e de ter ocultado o cadáver da moça.

De acordo com o que foi apurado pela polícia, o crime aconteceu por volta da 1h30 deste domingo (15). Michel estava na casa da avó com a adolescente e os dois teriam se desentendido. O tio não soube informar o motivo. Segundo ele, Michel acabou matando a moça por estrangulamento usando um lençol.

A informação é que a vítima teve o pescoço quebrado. Depois de ter matado a jovem, Michel enrolou o corpo em um lençol e o escondeu dentro da casa que pertence a avó dele, em seguida, fugiu, não sendo localizado até o momento.

Um tio de Heloísa, identificado como Fábio Medeiros, relatou que a garota teve as unhas arrancadas e os cabelos cortados . “Foi uma verdadeira crueldade”, desabafou o familiar.

A polícia já está com a imagem do suspeito que amanhã será divulgada para tentar localizá-lo. O crime de Michel foi registrado na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

 

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Polícia

Deixe uma resposta

Leia Também

De onde surgem os grafismos indígenas?

Sobre grafismo indígena* Além de cada etnia ter sua relação única com a pintura corporal, …