Prefeitura de Manaus cobrou propina pra liberar o evento do Prof. Jubilut

419

No último dia 5 de setembro, uma polêmica veio ao ar! O professor Paulo Jubilut biólogo formado pela Universidade Federal de Santa Catarina com mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental pela Universidade do Vale do Itajaí afirmou em seu perfil que a Prefeitura de Manaus havia cobrado proprina para liberar o seu evento.

O professor Jubilut, fenônome nas redes sociais pelo seu modo de abordar a biologia, está fazendo palestras no norte do Brasil e ao ser questionado quando o evento passaria em Manaus disparou :

Biologia com o Prof. Jubilut : A prefeitura cobrou propina pra liberar o evento. Cancelei!!

E acrescentou

Biologia com o Prof. Jubilut : Eles disseram que demoravam 4 meses pra liberar o evento, mas se eu pagasse algumas pessoas eles liberariam na hora. Brasil!!!

Loading...

A publicação você pode ver abaixo ou acessando o permalink da publicação no Facebook

Prefeitura de Manaus cobrou propina pra liberar o evento do Prof. Jubilut
Prefeitura de Manaus cobrou propina pra liberar o evento do Prof. Jubilut

Em resposta, a Prefeitura de Manaus publicou em sua página do Facebook o seguinte texto

Prefeitura de Manaus responde à cobrança da propina pra liberar o evento do Prof. Jubilut
Prefeitura de Manaus responde à cobrança da propina pra liberar o evento do Prof. Jubilut

Comentários

comentários