Professor de teatro é suspeito de estuprar mais de 10 adolescentes em Manaus

2136

Nesta segunda-feira (19/12) foi apresentado a imprensa o professor voluntário de teatro Varildo Alves de Almeida, 50 anos, preso por suspeita de cometer estupro contra,aproximadamente, dez adolescentes, em Manaus.

Denuncias dão conta que as vítimas são estudantes de uma escola pública de Manaus e do sexo masculino. Uma das vítimas contou em depoimento que recebia R$ 2 ou R$ 3 para fazer sexo com o professor.

Segundo testemunhas era comum o professor cumprimentar os alunos tocando nas partes intimas deles.

A prisão ocorreu no sábado (17/12), por volta das 14h, no Conjunto Osvaldo Frota, no bairro Cidade Nova, na Zona Norte da capital, após a policia interceptar ligações e mensagens que Varildo assedia os alunos.

O suspeito foi indiciado por estupro de vulnerável, exploração sexual e maus tratos.

Foto: Suelen Gonçalves/G1 AM
Varildo Alves de Almeida, 50 anos, preso por suspeita de cometer estupro – Foto: Suelen Gonçalves/G1 AM

Curte nosso conteúdo?!

Receba as notícias diretamente no seu e-mail:

Comentários