Projeto amazonense é um dos vencedores do Educar para Transformar

48

Há três anos atuando em Manaus, o Projeto Cosmos foi um dos escolhidos através de votação popular, como um dos vencedores do Educar para Transformar, programa desenvolvido pelo Instituto MRV. Além de treinamentos e acompanhamento, o projeto receberá um aporte financeiro de R$ 80 mil da organização sem fins lucrativos fundada pela MRV Engenharia.

Concorrendo a uma das seis vagas do programa com outros 11 projetos, o Cosmos, criado e conduzido por jovens universitários, conquistou o público ao propor envolver jovens de diversos bairros da capital amazonense no universo da ciência e tecnologia. Por meio de aulas interativas e divertidas eles ensinam astronomia, física, química, robótica e computação.

Além do representante amazonense, os projetos Círculos de Leitura (SP), Grêmio em Rede (SP), Projeto Amoreira (SP), Educação Baseada em Projetos: um caminho para reinventar a escola(PE) e Mar limpo: Educação e desenvolvimento sustentável no litoral(RN), também serão acompanhados pelo Instituto MRV durante o ano de 2019.

Manaus · Na última sexta-feira (30/11) fizemos uma cerimônia de premiação da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica no CETI Sérgio Pessoa, no Jorge Teixeira. Honramos os três primeiros colocados da escola em cada nível da Olimpíada e também nosso medalhista a nível nacional, o Diego. A voluntária @celeste_ingrid disse que ficou muito feliz em ver a motivação que o preparatório pra olimpíada causou nos alunos e encarou como elogio a tristeza do grupo em saber que as aulas de astronomia desse ano acabaram. Ver aluno querendo aula ao invés de férias a gente só vê aqui no projeto mesmo 😂❤️ eles já estão perguntando sobre as aulas do ano que vem!! Alunos cativados com sucesso 🚀 Parabéns às voluntárias Ingrid e Suelen pelo trabalho maravilhoso que fizeram na escola!  / Foto : Reprodução Facebook

Sobre o Instituto MRV

Para a MRV Engenharia, investir em responsabilidade social é tão importante quanto garantir o sonho da casa própria para milhares de brasileiros. Por isso, a companhia fundou em 2014 o Instituto MRV, organização sem fins lucrativos, voltada para promoção da transformação social do país por meio da educação. Somente em 2017, foram investidos mais de R$ 5,6 milhões em projetos como a Chamada Pública de Projetos, Criança Esperança, Programa Miguilim, Cidade dos Meninos São Vicente de Paulo, Projeto Querubins, e muitos outros. Além disso, o Instituto também é responsável pelo incentivo ao voluntariado junto aos colaboradores da construtora e hoje o instituto conta com 2.300 voluntários. Saiba mais em www.institutomrv.com.br.

Comentários