Home Notícias Política Promulgada lei que garante tratamento para professores diagnosticados com Burnout

Promulgada lei que garante tratamento para professores diagnosticados com Burnout

1 min - tempo de leitura
11

Foi promulgada nessa quarta-feira (21/12), em Sessão Plenária na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), a lei que estabelece tratamento médico e psicológico aos professores da rede estadual de ensino diagnosticados com Síndrome de Burnout.

Proposta pelo presidente da Casa, deputado estadual Josué Neto (PSD), a lei busca prestar apoio aos professores no desempenho de suas atividades nas escolas públicas do Amazonas.

 A lei foi proposta pelo presidente da Casa, deputado estadual Josué Neto (PSD) - Imagem: Aleam
A lei foi proposta pelo presidente da Casa, deputado estadual Josué Neto (PSD) – Imagem: Aleam

Segundo Josué Neto, ser professor demanda um alto grau de estabilidade emocional, pois diariamente lidam com pessoas de variadas idades e personalidades, o que pode gerar alto nível de estresse. A lei prevê que o Poder Executivo preste a assistência necessária aos educadores.

A Síndrome de Burnout é um distúrbio psíquico causado por um estado de tensão emocional, provocado por condições de trabalho desgastantes. De acordo com os dados do Ministério da Educação (MEC), a doença afeta mais de 15 % dos docentes brasileiros. Os sintomas da doença são: isolamento, agressividade, mudanças bruscas de humor, dificuldade de concentração, lapsos de memória, depressão, baixa autoestima, pessimismo e irritabilidade.

Fonte: Assembléia Legislativa do Estado do Amazonas

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Política

Deixe uma resposta

Leia Também

David Almeida faz primeiro discurso da campanha baseado na esperança

Candidato a prefeito de Manaus, David afirma que Manaus vai ser libertada da mão de quem h…