Publicidade na Época do Fausto

1279

Hoje primeiro de fevereiro comemora-se o dia do publicitário e  para não passar em branco essa data, decidi registrar de uma forma diferente, revirei alguns livros meus sobre a história antiga de Manaus e encontrei algumas Publicidade de Manaus na Época do Fausto que ocorreu entre 1890-1920.

Existe uma certa rixa entre designers e publicitários, um diz que o outro não deveria existir. A sociedade não consegue diferenciar os profissionais e a confusão por si só existiria.  EU  como sou de uma geração que acredita que tem espaço pra todos e que podemos viver em harmonia não vou ficar aqui aumentando essa confusão, tenho irmão publicitário e vários amigos publicitários também.

Ok, dito isto vamos ao que interessa, são alguns manifestos antigos que circulavam em Manaus em busca de novos consumidores, novos revendedores, bem típico da publicidade. Um bom publicitário sabe persuadir, convencer o consumidor de forma inovadora, a adquirir o que está sendo sugerido e a pensar como o público-alvo para traçar o planejamento de campanha de forma apropriada e estruturada. Está sempre antenado aos acontecimentos do mundo e não é preconceituoso, pois para esta profissão é preciso conhecer de tudo e todos: pessoas de todos os lugares e classes sociais e informações de relevância variada.

Loading...

Como na época do Fausto, Manaus vivia seu apogeu econômico e as pessoas mais ricas eram cada vez mais ricas, as publicidades que estarei ilustrando aqui eram voltadas para essas pessoas.

Propaganda dos “Armazens Andresen” sociedade anônima, cujos sócios portugueses tinham origem dinamarquesa, instalada na praça Tamandaré, ocupava as esquinas das ruas Guilherme Moreira e Marcílio Dias. Além de comerciantes, eram armadores fluviais.
Propaganda dos “Armazens Andresen” sociedade anônima, cujos sócios portugueses tinham origem dinamarquesa, instalada na praça Tamandaré, ocupava as esquinas das ruas Guilherme Moreira e Marcílio Dias. Além de comerciantes, eram armadores fluviais.

 

Reclame da fábrica de águas gasosas de Andrade Irmãos, fabricantes e revendedores de bebidas das mais diversas origens. Observe a qualidade artística do material.
Reclame da fábrica de águas gasosas de Andrade Irmãos, fabricantes e revendedores de bebidas das mais diversas origens. Observe a qualidade artística do material.
Anúncio mostrando o interior do Bazar Amazonense, especialista em artigos masculinos e fazendas finas, localizava-se na Rua dos Barés, n°1. Para ser elegante em Manaus era preciso, no mínimo, importar o tecido.
Anúncio mostrando o interior do Bazar Amazonense, especialista em artigos masculinos e fazendas finas, localizava-se na Rua dos Barés, n°1. Para ser elegante em Manaus era preciso, no mínimo, importar o tecido.
Cartaz litográfico da casa Rouaix & Cia, sucessores da antiga Casa de Madame Marie, especialista em roupas finas e adereços para senhoras, localizada na Av. Eduardo Ribeiro com a Rua Municipal.
Cartaz litográfico da casa Rouaix & Cia, sucessores da antiga Casa de Madame Marie, especialista em roupas finas e adereços para senhoras, localizada na Av. Eduardo Ribeiro com a Rua Municipal.
Anúncio da loja de modas “O Novo Mundo”, localizada na Rua Joaquim Sarmento, n° 2 – especialista em artigos femininos.
Anúncio da loja de modas “O Novo Mundo”, localizada na Rua Joaquim Sarmento, n° 2 – especialista em artigos femininos.
Reclame da casa Itatiayam fabricante dos cigarros Itatiaya, em tabacaria instalada na Rua Municipal, n° 68.
Reclame da casa Itatiayam fabricante dos cigarros Itatiaya, em tabacaria instalada na Rua Municipal, n° 68.
Cartaz litográfico da Pharmacia Cesario, estabelecida na Rua Marcílio Dias. Atente-se para a bela policromia, produzida pelas oficinas Gallimard, Paris.
Cartaz litográfico da Pharmacia Cesario, estabelecida na Rua Marcílio Dias. Atente-se para a bela policromia, produzida pelas oficinas Gallimard, Paris.
Cartaz de divulgação da tradicional casa de modas e confecções Au Bon Marché, estabelecida na Rua Municipal, 67. Foi, durante anos, ponto de elegância da sociedade manauense. Tempos eufóricos da belle époque.
Cartaz de divulgação da tradicional casa de modas e confecções Au Bon Marché, estabelecida na Rua Municipal, 67. Foi, durante anos, ponto de elegância da sociedade manauense. Tempos eufóricos da belle époque.

 

As imagens e legendas foram retiradas do livro “A ilusão do fausto – Manaus 1890-2910? da escritora Edinea Mascarenhas Dias. 2ª Edição – Livraria Valer, Manaus.”

Comentários

comentários