Sabino Castelo Branco briga por guarda de haitiana

8

O ex-deputado federal Sabino Castelo Branco está na disputa pela guarda de uma haitiana de 3 anos. O caso foi parar na polícia e registrado na Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) de Manaus.

Imagem: Rede Amazônica
Imagem: Rede Amazônica

O tio da menina acusa o ex-deputado federal Sabino Castelo Branco de ter retirado a menina da família à força. Foi feito um registro, contra o ex parlamentar, de “Subtração de incapaz”. Lucius Popoti, o tio, afirma que já foi funcionário de Sabino e admitiu que a garota dormiu na casa do ex-parlamentar, mas negou ter autorizado que ela ficasse permanentemente com a família de Sabino. “É só para passar o final de semana, entendeu?”, disse Lucius.

Ana Cláudia Pires, cuidadora que ajuda o tio a cuidar da menina,  acusa o ex deputado de agressão, segundo ela, Sabino teria dado um soco em seu estômago ao tirar a criança bruscamente de seus braços.

“Quando eu cheguei na igreja, ela [a cuidadora] pediu a criança da minha esposa e ela deu. Ela ficou abraçada com a criança, eu queria entrar para o culto e falei ‘me dê a criança’. Ela falou que não, e iria levar a criança. Eu disse que não iria entregar porque não sei quem ela é”, disse Sabino, negando as acusações.

O tio recebeu a informação de que a menina seria entregue nesta quinta-feira (14/01) ao Conselho Tutelar, que definirá se a criança irá para a casa do tio, já que pais estão fora do Amazonas, ou se permanecerá na tutela do estado.

Sabino Castelo Branco disse que sua intenção era somente de ajudar a criança.

Imagem de Divulgação
Imagem de Divulgação

 

Curte nosso conteúdo?!

Receba as notícias diretamente no seu e-mail:

Comentários