Home Notícias Amazonas Seduc pretende disponibillizar 180 mil novas vagas para escolas da rede pública estadual no ano letivo de 2019

Seduc pretende disponibillizar 180 mil novas vagas para escolas da rede pública estadual no ano letivo de 2019

12 min - tempo de leitura
10

A Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino do Amazonas (SEDUC-AM) anunciou um total de 180 mil novas vagas para alunos da rede pública estadual para o ano letivo de 2019. O anúncio foi feito pelo secretário de Estado de Educação do Amazonas, Professor Gedeão Amorim, e pela secretária Municipal de Educação de Manaus, Kátia Schweickardt na manhã desta terça-feira.

O anúncio foi realizado na manhã desta terça-feira (11) em coletiva de imprensa realizada na sede da Semed/Manaus, no bairro Parque Dez, Zona Centro-Sul da cidade. / Foto: Eduardo Cavalcante/SEDUC
O anúncio foi realizado na manhã desta terça-feira (11) em coletiva de imprensa realizada na sede da Semed/Manaus, no bairro Parque Dez, Zona Centro-Sul da cidade. / Foto: Eduardo Cavalcante/SEDUC

Também foram divulgadas as datas e procedimentos necessários para as matrículas do próximo ano. Para escolas da rede pública, a SEDUC estima ofertar 143.060 novas vagas, sendo 10.215 para estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental; 17.109 para a Educação de Jovens e Adultos (EJA); 50.841 das vagas são para estudantes do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental; e 64.895 para o Ensino Médio.

Já a Semed/Manaus, vai ofertar para o ano letivo de 2019, 40.169 mil vagas para alunos novatos. Para a Educação Infantil serão ofertadas 27.617 mil novas vagas e para o Ensino Fundamental, 12.552 mil.

O secretário de Educação do Amazonas, Gedeão Amorim, disse que a nova versão do site de matrículas irá facilitar o atendimento à população. “Esse ano conseguimos fazer um ‘upgrade’ fantástico no nosso sistema e os meios de rede poderão ser utilizados tranquilamente”, afirmou.

A secretária Municipal de Educação de Manaus, Kátia Schweickardt, reforçou as vantagens do site de matrículas, não sendo necessário formar filas nas escolas em busca de uma vaga. “No ano passado já não tivemos e esse ano a gente volta a reforçar para a população que não precisa, aliás, não devem ir, porque você está pleiteando uma vaga para uma determinada escola, se você for ficar numa fila, você corre o risco de perder essa vaga, porque o sistema é interligado. A pessoa vai estar em um lugar sem fila e vai acessar o sistema mais rápido”, explicou Schweickardt.

Rematrículas
De acordo com dados divulgados pela Coordenação de Matrículas da SEDUC, o total de rematrículas – vagas para os estudantes que já fazem parte da rede estadual de ensino – chega a 348.366, sendo que 171.688 vagas são para as escolas da capital e 176.678 para as unidades de ensino do interior do Estado.

Para as escolas “sem continuidade”, que oferecem até um determinado nível de ensino, a SEDUC disponibilizará 18.864 vagas, que serão distribuídas nas unidades de ensino que ofertam o nível de ensino em que o aluno precisa ingressar em 2019. Do total de vagas, 8.320 são para as escolas de Manaus e 10.554 para as unidades do interior.
As vagas para os estudantes que fazem parte da rede pública municipal e que automaticamente migram para a rede estadual somam 20.445.

Atendimento
A coordenadora de matrículas da SEDUC, Irlanda Araújo, explicou que a população poderá realizar as matrículas pelo site www.matriculas.am.gov.br e também de forma presencial, em qualquer uma das 596 escolas públicas estaduais de Manaus e do interior e também nas 482 unidades da rede municipal de ensino em Manaus. “Existe a disponibilidade do site da matrícula, que poderá ser acessado tanto no computador como pelo celular, oferecendo toda a comodidade e segurança para o usuário, em relação ao atendimento e para aquelas pessoas que não têm acesso à internet, o atendimento poderá ser realizado de forma presencial, em qualquer escola estadual tanto na capital quanto no interior e em qualquer escola da rede municipal na capital. Não há necessidade de filas e aglomerações nas portas das escolas. O atendimento é totalmente descentralizado”, afirmou.

Calendário de matrículas
Conforme cronograma disponibilizado pela SEDUC e Semed, os prazos do calendário de matrículas iniciam pelas Escolas de Tempo Integral. A divulgação do processo seletivo está prevista para o dia 12 de dezembro no site da SEDUC. O período de interposição de recursos será entre os dias 13 e 14 de dezembro.

A confirmação de matrícula para os estudantes aprovados no processo seletivo será no período de 3 a 4 de janeiro de 2019. Caso haja vagas remanescentes, uma segunda chamada do processo seletivo será divulgada a partir do dia 17 de janeiro. A confirmação de matrícula da 2ª chamada será nos dias 17 e 18 de dezembro.

Escolas Militares
As inscrições para o processo seletivo das escolas administradas pela SEDUC e gestão da Polícia Militar do Amazonas inicia no dia 17 e seguirão até o dia 21 de dezembro. A divulgação do resultado será divulgado no site da SEDUC a partir do dia 4 de janeiro. O período de interposição de recursos será entre os dias 7 e 8 de janeiro.

A confirmação de matrícula para os estudantes aprovados no processo seletivo será no período de 15 a 16 de janeiro de 2019. Caso haja vagas remanescentes, uma segunda chamada do processo seletivo será divulgada a partir do dia 21 de janeiro. A confirmação de matrícula da 2ª chamada será nos dias 22 e 23 de janeiro.

Rematrículas e transferências
Para os alunos que já são das redes pública estadual e municipal, o período de rematrícula será entre os dias 19 de dezembro e 2 de janeiro.

Já as transferências por reordenamento (escolas sem continuidade) acontecem entre os dias 3 e 4 de janeiro para a Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. A confirmação de matrícula do reordenamento para todos os níveis de ensino será nos dias 7 e 8 de janeiro.

As solicitações de transferência para todos os níveis de ensino, por sua vez, podem ser feitas pela internet, no endereço www.matriculas.am.gov.br, no período de 9 a 13 de janeiro e de forma presencial, em qualquer escola da rede pública, entre os dias 9 e 11 de janeiro.

O atendimento aos alunos com deficiência das redes públicas estadual e municipal de Manaus para todos os níveis de ensino acontecerá de forma presencial nos dias 14 e 15 de janeiro, nas escolas municipais ou estaduais, das 8h às 17h e também pela internet.

Alunos novatos
Os candidatos ou seus respectivos responsáveis que desejam ingressar em escolas da rede estadual ou municipal em 2019 podem fazer o cadastro prévio do estudante no site www.matriculas.am.gov.br, a partir desta terça-feira (11). O cadastro agiliza o atendimento, mas não garante a vaga. Para o cadastro, é necessário informar o nome, e-mail e o número do CPF.

Também é recomendável que o responsável faça o registro dos estudantes que serão matriculados para o ano letivo de 2019. Seguindo o calendário de matrículas, o sistema será liberado para todos os procedimentos sempre à meia-noite.

Depois que o sistema for liberado, o responsável deverá fazer login no site e pesquisar as vagas disponíveis por bairro e por nível de ensino para, então, matricular os estudantes que cadastrou. Após escolher a escola, aparecerá uma tela solicitando a confirmação dos dados dos alunos. Caso esteja tudo correto, aparecerá a notificação “reserva realizada com sucesso”. Para efetivar a matrícula, os responsáveis devem levar os documentos dos estudantes em qualquer escola da rede pública, até três dias após realizar a reserva.

O atendimento específico aos alunos novatos de todos os níveis de ensino acontecerá no período de 16 a 20 de janeiro pela internet. De forma presencial, será entre os dias 16 e 18 de janeiro, em qualquer escola da rede pública. Já para os alunos retardatários, o atendimento será realizado no dia 21 de janeiro de 2019, tanto pela internet quanto de forma presencial.

As aulas do ano letivo de 2019 terão início no dia 6 de fevereiro para as escolas da rede estadual e municipal de educação.

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Nickson Maciel
Carregar Mais Em Amazonas

Deixe uma resposta

Leia Também

Alunos nordestinos fazem saudação nazista em sala de aula e são suspensos pela direção

Um grupo de adolescentes de 17 anos  do Colégio Santa Maria, um dos mais tradicionais da r…