Suspeito de estuprar sobrinha de 9 anos em Juruti é preso em Parintins, no Amazonas

69

A Pol√≠cia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investiga√ß√£o da Delegacia Interativa de Pol√≠cia (DIP) de Parintins, sob o comando do delegado Adilson da Cunha, titular da unidade policial, prendeu, em flagrante, na madrugada do √ļltimo s√°bado (13), por volta de 1h, Jac√≥ Pinheiro Grau, de 22 anos, por estupro de vulner√°vel.

O infrator foi preso no Porto de Parintins, munic√≠pio distante 369 quil√īmetros em linha reta da capital Manaus. A a√ß√£o, contou com o apoio da Marinha do Brasil, por meio Ag√™ncia Fluvial de Parintins.

Suspeito de estuprar sobrinha de 9 anos em Juruti é preso em Parintins - Imagem: Divulgação/PC
Suspeito de estuprar sobrinha de 9 anos em Juruti é preso em Parintins РImagem: Divulgação/PC

De acordo com a autoridade, o rapaz √© autor de estupro de vulner√°vel, tendo como v√≠tima a sobrinha dele, uma menina de 9 anos. O crime ocorreu na manh√£ de sexta-feira (12), no munic√≠pio de Juruti, oeste do Par√°. Conforme o delegado, a m√£e da v√≠tima se dirigiu at√© a delegacia de Juruti, relatando que o irm√£o dela havia consumado o ato libidinoso contra a filha. Ap√≥s a den√ļncia, o infrator empreendeu fuga do local, sendo visto por testemunhas em uma embarca√ß√£o com destino a Manaus.

‚ÄúTomamos conhecimento do fato quando servidores da delegacia de Juruti nos informaram a situa√ß√£o e as caracter√≠sticas f√≠sicas do infrator. Iniciamos as dilig√™ncias em torno do caso com intuito de prend√™-lo. Como o barco em que o jovem estava n√£o possu√≠ parada no Porto de Parintins, solicitamos o apoio da Marinha do Brasil, por interm√©dio da AgParintins, que nos auxiliou na a√ß√£o e conduziu a embarca√ß√£o at√© o porto do munic√≠pio. Durante revista no interior do barco, identificamos o autor do delito e efetuamos a pris√£o do mesmo ainda em flagrante‚ÄĚ, explicou Cunha.

Conforme o delegado, o jovem foi conduzido para a carceragem da DIP de Parintins. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, o infrator será transferido para a delegacia de Juruti, onde responderá pelo crime de estupro de vulnerável.

Fonte: Polícia Civil do Amazonas

Coment√°rios