Técnico da Inglaterra, Roy Hodgson, explica polêmica com Manaus

639

Depois de ter declarado que “Manaus é a sede a ser evitada”, o técnico da Inglaterra, Roy Hodgson, foi duramente criticado pelo prefeito da cidade. Através de uma nota publicada pela Federação Inglesa de Futebol, Hodgson esclareceu então que sua intenção não foi desrespeitar o local e sim alertar para o clima desfavorável.

“De forma alguma tive a intenção de desrespeitar a área de Manaus. Eu estava falando somente sobre os desafios que o clima e a umidade vão apresentar em comparação com outras sedes e o tempo de viagem que vai implicar”, disse.

“Como uma pessoa que aprecia viajar e visitar novos lugares, gostaria de ver a beleza da região. Tenho certeza de que Manaus vai ser uma maravilhosa sede da Copa do Mundo”, completou o comandante da Inglaterra.

Em entrevista ao jornal britânico The Guardian, o técnico havia declarado: “O clima tropical é problema para todos, incluindo argentinos, chilenos, colombianos, mas para os jogadores do norte da Europa será um pouco mais difícil. Tendo em vista o que as pessoas me disseram, Manaus é a sede a ser evitada. Porto Alegre seria o ideal. As chances crescem se você tiver condições climáticas mais agradáveis. Não se pode negar que é um problema (jogar em Manaus), mas, não importa o que aconteça, não será uma desculpa.”

Em resposta, o prefeito Arthur Virgílio disse: “Nós, amazonenses, também preferimos que a Inglaterra não venha. Torcemos pra que venha uma seleção melhor, com mais futebol e com técnico mais sensível, culto e educado. O Brasil, que já conquistou mais Copas do Mundo dentre todas as nações, joga em qualquer lugar, entra nas competições sem se importar com o clima da cidade ou do país que o hospeda. E esse deveria ser o espírito de toda e qualquer seleção, que se pretenda vitoriosa. Inventar desculpas revela falta de brio e autoconfiança. Sorte que o povo inglês é diferente do sr. Hodgson. É educado e sabe valorizar o belo. E nada é mais bonito e instigante do que a Amazônia, o Amazonas e Manaus.”

O técnico da Inglaterra negou ter desrespeitado a sede e explicou que suas críticas foram em relação ao clima .
O técnico da Inglaterra negou ter desrespeitado a sede e explicou que suas críticas foram em relação ao clima .

Fonte > Goal

Comentários

comentários

Loading...