Tour pela Arena da Amazônia mostra a jornalistas como será acesso de torcedores ao estádio

408

Na linha do equador, o clima é sempre quente e a expectativa é aproveitar também o calor humano para receber os torcedores. Nesta sexta-feira (30.05) não foi diferente para cerca de quarenta jornalistas que cobrirão a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 em Manaus. O Comitê Organizador Local (COL) da Copa do Mundo apresentou o estádio aos profissionais de imprensa, com auxílio de uma equipe de voluntários selecionados pela FIFA.

O Tour do Estádio é um momento de detalhar cada passo que se dá desde a primeira abordagem, ainda fora do estádio, passando pela catraca principal, até a arquibancada. Em Manaus, a entrada principal estará localizada na Avenida Constantino Nery, onde as linhas de ônibus vão deixar grande parte dos torcedores.

Na chegada ao estádio, a primeira verificação é dos ingressos, que indicam todas as atitudes necessárias para a entrada “em campo”. É proibido, por exemplo, portar arma de fogo, bebidas, instrumentos musicais, fogos de artifício, sombrinhas e capacetes. Para portadores de necessidades especiais, idosos, obesos e torcedores com crianças de colo a entrada haverá uma fila preferencial.

Atleta de futebol americano, Bárbara Souza está na equipe de voluntários que da linha de frente do evento em Manaus. “Quando descobri que podia participar não perdi tempo. Estar aqui, agora, é muito gratificante para mim”, afirma Bárbara. Ela faz parte dos 300 voluntários que ajudarão na recepção, em português e inglês, de torcedores que chegarem à Arena da Amazônia. Outros 500 atuarão na cidade durante o Mundial

Todos eles foram treinados pelo gerente de atendimento ao expectador Marcos Sassoni. O Italiano com experiência em grandes eventos, incluindo os Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, em 2007, disse que a atenção e dedicação dos voluntários de Manaus são surpreendentes. “Nosso trabalho é complexo e cheio de detalhes importantes. Trabalhar com essa equipe afinada é muito bom”, afirmou Sassoni em coletiva de imprensa durante o Tour na Arena da Amazônia.

Além dos voluntários, cerca de 750 especialistas em segurança trabalharão no estádio. Os stewards, como são chamados, são treinados para dominar situações delicadas sem o uso da força ou de armas.

Tour pela Arena Fotos: Agnaldo Oliveira Jr /Portal da Copa
Tour pela Arena Fotos: Agnaldo Oliveira Jr /Portal da Copa

Comentários

comentários

Loading...