Transexual ‘acavalado’ consegue autorização para jogar na liga feminina de futebol

311

ESPORTE, Austrália — A Federação de Futebol Australiano, AFL, autorizou pela primeira vez uma atleta transexual a participar de um time feminino nas ligas locais da modalidade.

Hannah Mouncey, 28 anos, comemorou a decisão nas redes sociais, e criticou a AFL alegando que transformaram a sua história “em uma saga que poderia ter sido evitada”

— Estou feliz com a decisão e espero jogar nesta temporada. Não vou agradecer a federação, acho que seria totalmente inapropriado apenas por me autorizarem a fazer algo que qualquer australiana pode fazer — declarou.

Com 1,90m, Hannah integrava o time masculino de handebol da Austrália e em 2015 começou seu processo de transição.

A decisão da AFL foi de caráter extraordinário, pois a instituição ainda não definiu uma política nacional para atletas trans.

— São questões complexas. Estamos considerando a opinião de especialistas, o panorama internacional e o retorno da nossa comunidade — afirmou Tanya Hosch, diretora de inclusão e política social da AFL.

Hannah Mouncey, 28 anos / Divulgação
Hannah Mouncey, 28 anos / Divulgação

As informações são do O Globo.

Comentários