Inicial Notícias Amazonas Universitários se prejudicam após greve de rota universitária em Presidente Figueiredo

Universitários se prejudicam após greve de rota universitária em Presidente Figueiredo

1 minuto de leitura
0
8

Em presidente Figueiredo, há 107km de Manaus, acontece neste momento uma greve geral por parte dos motoristas que prestam serviços de transporte universitário para à Prefeitura Municipal de Presidente Figueiredo.

Universitários se prejudicam após greve de rota em Presidente Figueiredo / Foto : Enviada pelo Whatsapp
Universitários se prejudicam após greve de rota em Presidente Figueiredo / Foto : Enviada pelo Whatsapp
Universitários se prejudicam após greve de rota em Presidente Figueiredo / Foto : Enviada pelo Whatsapp
Universitários se prejudicam após greve de rota em Presidente Figueiredo / Foto : Enviada pelo Whatsapp

A greve é por falta de pagamento dos motoristas que estão há alguns meses sem receber os seus vencimentos e por conta disso mais de 500 universitários serão prejudicados porque não poderão ir para suas faculdades.

Universitários se prejudicam após greve de rota em Presidente Figueiredo / Foto : Enviada pelo Whatsapp
Universitários se prejudicam após greve de rota em Presidente Figueiredo / Foto : Enviada pelo Whatsapp

O transporte gratuito de alunos universitários, pós-graduando, tecnólogos e técnicos da Rede Pública ou Privada de Ensino é pago pela Prefeitura Municipal e ficando como contrapartida dos estudantes em favor do Município, as atividades eventuais de interesse da comunidade, projetos sociais e principalmente desenvolver atividades relacionadas ao curso específico de cada estudante a critério do poder executivo, ESTIPULAR um tempo de até 20% (vinte por cento), do uso do tempo de curso.

Universitários se prejudicam após greve de rota em Presidente Figueiredo / Foto : Enviada pelo Whatsapp
Universitários se prejudicam após greve de rota em Presidente Figueiredo / Foto : Enviada pelo Whatsapp

*Mais informações em instantes

Comentários

Carregue Mais Notícias Relacionadas
Comentários estão fechados.