Vereador ‘Carlos Portta’ divulga vídeo comentando a polêmica criada em torno do seu vídeo

625

Na manhã da última segunda-feira (31/07), o vereador da Câmara Municipal de Manaus (CMM), Carlos Portta (PSB), publicou em sua página no Facebook a sua costumeira live sobre o ocorrido no Shopping Manauara, na qual bandidos assaltaram a joalheria e causaram pânico entre os frequentadores do Shopping.

MANAUS 29.03.17 VEREADOR CARLOS PORTTA (PSB) DURANTE SESSAO PLENARIA DA CAMARA MUNICIPAL DE MANAUS (CMM). FOTO:TIAGO CORREA/CMM.
MANAUS 29.03.17
VEREADOR CARLOS PORTTA (PSB) DURANTE SESSAO PLENARIA DA CAMARA MUNICIPAL DE MANAUS (CMM).
FOTO:TIAGO CORREA/CMM.

Embora tenham tido muitas pessoas a favor do discurso do parlamentar, o desabafo feito na sua página pessoal não saiu como o esperado nas redes sociais.

No vídeo (veja abaixo), o Renê Zafer, nome que dá vida ao personagem Carlos Portta, comenta o assalto ao Shopping Manauara, na semana passada. O vereador conta que estava no local e presenciou o ocorrido, mostrando-se indignado com a situação.

Loading...

O portal Amazonas 1, entretanto, questionou o fato do parlamentar gravar o vídeo enquanto dirige e ainda, de usar palavras de baixo calão. A assessoria de comunicação do vereador declarou ao portal A1 que, “antes de ser parlamentar, ele é um cidadão, que demonstrou, fazendo esse vídeo, o sentimento de todo amazonense que não aguenta mais essa onda de violência. Por ser uma pessoa muito verdadeira, muito autêntica, ele quis expressar o que sente. A pessoa revoltada sai um pouco do convencional e o vereador pede desculpas se em algum momento ‘feriu’  alguém com essas palavras, mas ele apenas quis demonstrar a revolta dele diante desse caos na segurança”.

Sobre gravar o vídeo enquanto dirigia, a assessoria defendeu que “ele é muito cuidadoso ao  dirigir e com certeza não estava em nenhuma via de grande circulação de  veículos”.

Procurado pelo portal No Amazonas é Assim, o parlamentar gravou um vídeo para explicar melhor a situação e reiterou o pedido de desculpas para quem se sentiu ofendido pelo vídeo de alguma forma.

Comentários

comentários