fbpx
29 C
Manaus
sábado,16 fevereiro , 2019
Home Curiosidades Vídeo: Cientista é comida viva por crocodilo enquanto o alimentava

Vídeo: Cientista é comida viva por crocodilo enquanto o alimentava

10350

O réptil que vive no Yosiki Laboratory, na Indonésia, conseguiu sair do local onde era isolado após escalar uma parede de 2,4 metros de altura, e arrastou a cientista para dentro dágua. O caso aconteceu na última sexta-feira (11).

A cientista Deasy Tuwo, de 44 anos, junto com o crocodilo Marry. / Foto: Reprodução
A cientista Deasy Tuwo, de 44 anos, junto com o crocodilo Marry. / Foto: Reprodução

O corpo da cientista foi encontrado apenas na manhã seguinte, por colegas de trabalho que teriam percebido uma forma estranha na água onde o crocodilo habitava. Ao se aproximarem do local, viram partes do corpo de Deasy, ainda na boca do animal.

O réptil de 5 metros de comprimento, nomeado Merry, já era conhecido no laboratório por ser extremamente perigoso, inclusive já teria matado outro crocodilo da mesma espécie, com quem dividia seu habitat.

Agora o animal será transferido para o distrito de Bitung, onde ficará em um centro de resgate da vida selvagem. A polícia tenta também entrar em contato com um empresário japonês, que seria o dono do réptil.

Curiosidade
O ser humano acredita que os crocodilos são lentos, e por isso acham que nada vai acontecer, mas na verdade esse réptil é sim um grande perigo perto a sociedade. Por ano, entre 800 a 1000 pessoas morrem decorrente a ataques de crocodilos em todo o mundo, mas nem todas as espécies desse réptil são consideradas agressivas, apenas 6, das 23 existentes são consideradas perigosas na sociedade.

Advertisement

Isso devido ao tamanho dos animais, um crocodilo considerado pequeno, dificilmente machucará um ser humano.

Duas espécies do réptil são mais conhecidas por ataques a pessoas, são eles o crocodilo do Nilo e o crocodilo marinho, mas é importante ressaltar que tais ataques só se dão devido à invasão de seres humanos em território considerado selvagem.

Embora menos comuns, répteis menores também vem registando vários casos de ataques no continente americano. Até mesmo o jacaré que é conhecido por se alimentar de mamíferos menores, vem registrando diversos ataques aos seres humanos. Mas no caso destes animais, acredita-se que ele só ataca quando se sente ameaçado pelo ser humano.

Na Flórida, o crocodilo “aligátor” é o mais conhecido por ataques.

Cabe ressaltar que embora muito parecidos, os crocodilos e os jacarés apresentam comportamentos extremamente diferentes. Sendo que o crocodilo é considerado mais agressivo devido ao seu tamanho.

Fonte: Blasting News

Comentários