Home Notícias Manaus Vumbora, parente? Festival Paraense volta a Manaus com música e gastronomia

Vumbora, parente? Festival Paraense volta a Manaus com música e gastronomia

2 min - tempo de leitura
21

Tacacá, vatapá e carimbó. Essas são só algumas surpresas que poderão ser encontradas na próxima edição do Festival Paraense 2019. O evento acontece nos dias 13 e 14 de abril, às 17h, no espaço Podium Leste, da Arena da Amazônia. No palco “Ver-o-Peso”, a animação da festa ficará por conta de Pinduca, DJEmilson Djsound, Wanderley Andrade e Amazon Beach.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O espaço gastronômico contará com 40 barracas de comida paraense, além de foodtrucks e foodbikes de doces. As barracas de comidas apresentarão os pratos mais tradicionais do cardápio paraense como a maniçoba, tacacá, o açaí, arroz paraense, farofa de camarão, pato no tucupi e muito mais. Os pratos serão vendidos com valores a partir de R$ 5 até R$ 20.

Já no espaço Bacuri, destinado a criançada, haverá brinquedos infláveis, pula-pula, touro mecânico, tiro ao alvo, pescaria, piscina de bolinhas, jogos eletrônicos, entre outras atrações.

O evento também trará o bazar Mode On, que recebe alguns produtores vindos do Pará. O espaço vai contar com mais de 30 stands de artesanato e lojas, com produtos como sandálias, bolsas, roupas, bijouterias, quadros e artigos de decoração.

Este ano, uma comissão de jornalistas e digital influencers votarão nos dois dias do evento para eleger o melhor prato do festival. Os critérios avaliados serão originalidade, harmonia, apresentação, sabor, aroma.

Os ingressos para o evento vão custar R$ 8 (meia entrada), e poderão ser comprados pelo site www.modeoneventos.com.br a partir de 21 de março, e também nas lojas Via Uno dos principais shoppings de Manaus. Como em todos os anos, parte da renda será revestida em doação a uma instituição, sendo a deste ano, o Pró-menor Dom Bosco.

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Nickson Maciel
Carregar Mais Em Manaus

Deixe uma resposta

Leia Também

Alunos nordestinos fazem saudação nazista em sala de aula e são suspensos pela direção

Um grupo de adolescentes de 17 anos  do Colégio Santa Maria, um dos mais tradicionais da r…